O Self Service BI é tudo isso? | MicroStrategy
BI Trends

O Self Service BI é tudo isso?

O Self Service BI tem seu valor. No contexto de utilizar as informações no dia a dia, durante o trabalho pode parecer uma grande ideia. Antigamente, as duas únicas formas de conseguir dados para fechar um relatório ou análise eram: solicitar as informações para TI - aguardar seis meses ou mais para obtê-los ou então você poderia conseguir um leitor de microfichas. É fato que demos um belo salto neste quesito. O Self Service BI funciona, é evidente, a menos que seja algo que você não queira fazer sozinho. Além disso, se você considerar o termo fora do contexto de dados, existe sim um misto de sentimentos.

O que você acha sobre fazer seu próprio atendimento no caixa do supermercado? Eu não gosto. Um dos problemas que você pode enfrentar, é pagar suas compras com cartão de débito e esquecer sua senha, ou retirar seu cartão meio segundo antes do que deveria, e a máquina gritar diante de toda a loja ... TRANSAÇÃO NÃO AUTORIZADA!
Eu prefiro andar pelo mercado, colocar tudo o que quero em meu carrinho e receber alertas para as coisas que eu esqueci: “Neil, você passou pelo cereal de novo, você continua querendo uma caixa?”, ao invés de correr o risco de voltar para casa sem algo que eu precisava. As informações são fornecidas a mim ao mesmo tempo em que estou passando perto de coisas que possam ser do meu interesse. E para completar a experiência do cliente, um funcionário simpático ainda guarda as compras. Mas, como você chamaria isso? Não é Self Service – vai além disso.

O Self Service BI utiliza alguns conjuntos de ferramentas, que são ricos em funções para que os usuários de negócios possam fazer perguntas e obter respostas, com uma diversidade de dados, sem a necessidade de solicitar assistência da TI. A MicroStrategy foi pioneira nisso, em especial no que diz respeito a ir além, satisfazendo uma solicitação para interação e navegação reais com os dados e os modelos. Porém, pergunto: e se você pudesse ter algo que ultrapasse o Self Service BI?

Quantos "cliques" você faz por dia? Após vinte e cinco anos ou mais de Self Service BI, o que você acha de obter a inteligência de negócios que você precisa, a “zero cliques"? Como o caso da tecnologia de emissão de alertas em supermercados, que avisa sobre itens, descontos ou cupons que podem interessar a você. E se, as informações organizadas que você precisa simplesmente te encontrassem no meio do que você está fazendo?

Existem diversas ideias para a aplicação da inteligência de negócio a “zero cliques”, e aqui estão alguns pontos interessantes:

Data lakes: As empresas buscam seus dados nos chamados “Data Lakes” (principalmente o Hadoop), não por uma necessidade de dados específicos ou curadoria e integração cuidadosas, mas pela facilidade de obter em massa significativa dados oriundas de diversas fontes e formatos. O problema é que os dados não possuem um elemento de unificação e isso traz pouco valor principalmente pela dificuldade de navegar no data lake. Obter um HyperIntelligence Card, com as informações sensíveis ao contexto e de alto valor, pode trazer muito sucesso nesta busca.

Graficos Semânticos: Os Gráficos Semânticos da MicroStrategy ajudam a inteligência nas empresas. Este gráfico é uma solução navegável que consolida fontes díspares e apresenta uma visão que simplifica o processo de alavancagem de dados não somente na empresa, mas também fora dela. 0 HyperIntelligence é a melhor opção para expor com segurança informações de maneira fácil, contextual e de compreensão simples.

Transformação da Indústria: Além dos conceitos e recursos, analisamos o HyperIntelligence em aplicativos para Fintech/Insuretech, muito além das transformações digitais nestas áreas. Poucos setores são mais atentos aos dados do que as instituições financeiras e o setor de seguros (que vai muito além do que empresas de seguros individuais – é um setor global, que tem o valor de US$ 3 trilhões).
 

IA: Além de suas inúmeras possibilidades de criar modelos que geram insights e decisões, a IA também pode fornecer uma poderosa orientação sobre como, o que, e quando as informações são apresentadas aos analistas. O HyperIntelligence™, pode entregar os dados e o contexto dinamicamente, sem nenhum código.

Compartilhe suas ideias e possíveis aplicações. Fique ligado para o nosso próximo post!

Comments Blog post currently doesn't have any comments.