As empresas no Brasil usam Data & Analytics? | MicroStrategy
BI Trends

As empresas no Brasil usam Data & Analytics?

Muito tem se falado sobre a era da transformação digital e da cultura analítica dentro das empresas. Decisões são feitas a todo o momento e os dados exercem uma função fundamental na entrega de informação ágil para o planejamento de qualquer ação.

Dessa forma, o Data & Analytics ganhou relevância em um cenário que preza, cada vez mais, pela praticidade e rapidez na tomada de decisões em estratégias de negócios. E, no Brasil, as empresas já se preocupam com isso.

O estudo internacional Global State of Enterprise Analytics 2020, feito pela consultoria global Hall & Partner, entrevistou 500 profissionais de inteligência de negócios (do Brasil, Japão, Reino Unido, dos Estados Unidos e da Alemanha) e trouxe resultados surpreendentes: 94% dos respondentes consideram a cultura de dados um fator crucial em suas estratégias e esforços. Todos os participantes disseram sobre seus benefícios, desafios, investimentos e prioridades, além de avaliarem suas próprias iniciativas em relação a necessidade do uso de dados.

Os dados apontam que 60% das empresas brasileiras já usam Data & Analytics para orientar estratégias e para trazer mudanças necessárias nos negócios. Desenvolvimento de novos produtos, gestão de riscos, análise de força de trabalho e melhoria da eficiência de custos foram as cinco principais tecnologias usadas no mercado brasileiro. Quase um terço (32%) dos brasileiros ouvidos posiciona-se à frente de seus pares no que diz respeito à prática de tomar decisões baseadas em dados -  a média global é de 26%.  Outro ponto interessante é que, ao contrário do cenário global em que Cloud Computing é a tendência que está no topo entre as que mais impactam a adoção do Analytics, no Brasil, essa tecnologia é a apenas a terceira entre as três mais citadas (17%), precedida por Inteligência Artificial e Machine Learning (17%) e Internet of Things (18%).

Sobre as barreiras e medos que impedem a adesão ao Data & Analytics, aparece em primeiro lugar privacidade e segurança de dados (52%). São também citados aspectos como: acesso limitado a dados e análise em toda a organização (28%) e o fato das ferramentas não serem intuitivas (27%). Segundo os respondentes, são três os principais pontos que poderiam favorecer a implementação: incorporação do Data & Analytics às ferramentas como e-mail, SharePoint, navegador web (52%) e aos aplicativos comerciais mais populares, como Salesforce, Slack (50%), além da disponibilidade de ferramentas ou treinamentos mais intuitivos e convenientes (49%).

Um dos efeitos mais comuns da era digital é a extinção de grandes marcas – e tal fator sinaliza às empresas que está na hora de mudar. Para isso, líderes precisam ter insights e um olhar plural sobre a transformação tecnológica em seu negócio.

Enquanto algumas escolhem por apertarem o pause, outras já estão na direção de promover essas mudanças a partir de 2020, cenário este exigirá experiências e respostas baseadas em informações, em tempo real. E o Data & Analytics será o grande protagonista.

Comments Blog post currently doesn't have any comments.